Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10437/13070
Título: Novos desafios educativos : (re)significar o processo de ensino-aprendizagem no caminho para uma cidadania global
Autores: Raposo, Maria Albertina Amantes
Durão, Anabela Cândida Ramalho
Santos, Isabel Abreu dos
Xavier, Marinês de Oliveira
Vasconcelos, Lia Maldonado Teles de
Palavras-chave: EDUCAÇÃO
APRENDIZAGEM
APRENDIZAGEM COOPERATIVA
DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS
EDUCAÇÃO GLOBAL
CIDADANIA
EDUCATION
LEARNING
COOPERATIVE LEARNING
SKILLS DEVELOPMENT
GLOBAL EDUCATION
CITIZENSHIP
Editora: Universitat Politécnica de Valência, Valencia
Citação: 9th International Conference on Innovation, Documentation and Teaching Technologies, INNODOCT
Resumo: Motivar o(a)s estudantes e/ou investigadores(as) para a aprendizagem e prepará-los para lidar com a complexidade e as incertezas deste mundo em rápida e constante mudança, parece ser o maior desafio com que professores(as) e educadores(as) se deparam atualmente. Os desafios que a sociedade nos coloca trazem à Escola e aos docentes uma oportunidade de redefinir o seu papel e as suas formas de atuação. Em plena era de informação, com acesso acrescido a tecnologias de informação e perante desafios tecnológicos enormes, a capacidade para aprender e dar sentido às experiências e formas de conhecimento requer também inovação na educação e o (re)significar o ato de ensinar, em si mesmo. Perante o papel de um desafiador de aprendizagens, o(a) docente recorre agora a diferentes abordagens metodológicas para permitir a expressão das diferentes visões, perceções, saberes, convicções e formas de expressão dos(as) seus(suas) estudantes. O trabalho de desenvolvimento de competências socio-emocionais, designadas frequentemente por soft skills até há pouco tempo desvalorizado, é agora, reconhecido como uma mais-valia neste papel que a escola enfrenta de promover o desenvolvimento integral dos estudantes nas várias dimensões: cognitiva, ética, cívica, social e emocional. Aspetos como a capacidade de ouvir o(a) outro(a), de promover o diálogo, de gerir emoções e melhor definir compromissos em situações de conflito, são exemplos de competências essenciais que o(s) processo(s) de ensino-aprendizagem não devem ignorar. Este trabalho ilustra práticas usadas, reflete sobre a sua importância, sistematiza-as e partilha-as como um conjunto de técnicas participativas que se têm mostrado vantajosas na construção de conhecimento em contextos de educação formal, informalizando-a. Keywords: Aprendizagem Ativa; Técnicas Participativas; Soft Skills; Trabalho Colaborativo; Pensamento Crítico; Educação para a Cidadania Global
Descrição: INNODOCT 2021 Valencia, October 27th -November 1st 2021
URI: http://hdl.handle.net/10437/13070
ISBN: 978-84-9048-365-7
ISSN: 2695-8554
Aparece nas colecções:DREAMS - Atas de Conferências Internacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
FinalPaper_Raposo_etal_20julho2021.pdfEm livro de atas221.99 kBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.